Como se constrói uma it girl – Blake Lively

Por que a estrela de Gossip Girl virou garota-propaganda da Chanel. Por que a bolsa da Chanel se tornou um clássico tão imitado? Além de uma descrição de Blake Lively por uma fã muito especial da atriz.

 

Blake Lively, por Karl Lagerfeld

A Serena de Gossip Girl foi a eleita do estilista da Chanel para estrelar a campanha da bolsa Mademoiselle. As primeiras fotos foram divulgadas anteontem, mostrando uma Blake, na definição de Michael Kors, “the triple S: sporty, sexy, sophisticated”. A loira, que tem 3 capas de Vogue na bagagem, mal podia acreditar quando se viu em um jantar em sua homenagem. Mas podemos ver que a elegância dela tem a medida certa da Chanel. Lagerfeld escolheu muito bem.

Blake Lively, por Gabriela Porne, fã de Gossip Girl e moda. Ah, é a minha irmã caçula também.

Com um estilo fresh e uma beleza natural de causar inveja em muitas garotas (inclusive em mim! ahaha), Blake Lively vem se destacando desde o início da série Gossip Girl. Que ela ganhou bastante espaço na mídia e no mundo da moda não é segredo mas ela merece toda essa atenção. Um ótimo currículo e uma carreira promissora não a impedem de ser um ícone fashion e, com isso, a it girl mantém um bom número de seguidoras do seu estilo. Todas querem o cabelo loiro ondulado, o estilo leve mas ao mesmo tempo bem elaborado… Resumindo, quando o assunto é moda, todas queremos ser um pouco Blake! E a reputação dela é outra coisa que não deixa a desejar: com tantas artistas com cabeça fraca no mundo, ela consegue manter a carreira intacta não se metendo em escândalos com frequência. Blake Lively é DIVA.
blake lively
Blake Lively, por mim
A quem possa interessar, hoje foi a primeira vez que assisti um episódio de Gossip Girl. E fiz isso para conhecer o trabalho de Blake Lively, a nova estrela da Chanel. A série é bacana, e a moça linda. Ela tem aquele cabelo levemente ondulado que ninguém consegue fazer igual. E, palmas ao figurinista da série, se veste muito bem. Só que não estou aqui como fã de Blake, que ainda não conheci o suficiente, mas como fã da bolsa. A bendita bolsa Chanel. E você sabe porque as bolsas dessa Maison se tornaram ícone de sofisticação?
A marca registrada da bolsa Chanel é o matelassado (ela parecer que tem vários quadradinhos fofinhos) e a alça de correntes. Sim, você encontra bolsas com alça de correntes na 25 de março, mas agora sabe que elas não vieram do nada. A inspiração vem do modelo 2.55, lançado pela grife em 1995, que, por sua vez, se inspira no modelo elaborado pela própria Coco Chanel nos anos 20, quando ela se cansou de carregar suas bolsas nas mãos. Em diversas cores, a bolsa é prática e pode ser usada do dia a dia à uma festa. Frente a esse sucesso, claro que as outras marcas correram para lançar modelos semelhantes, como Fause Haten, Arezzo e Santa Lolla, para citar as brasileiras.
Além de linda e prática, a bolsa Chanel é democrática: combina com todas nós. Quem está acima do peso deve usá-la sem atravessá-la no corpo, para não “fatiar” a silhueta, certo?
Dúvidas? Sugestões? Aplausos? Quer me dar uma bolsa? Comente 🙂

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s