Arrumação de guarda-roupa: eu venci!

Estou aqui, sentada no chão, com um ventilador ligado na minha cara, tentando reunir o restinho da minha energia neste fim de domingo para dizer…oi pessoas!

Hoje foi um dia de luta: arrumei meu guarda-roupa. Na verdade, a história da arrumação se divide em quatro curtos capítulos, que eu compartilho agora com vocês.

Capítulo I – a primeira aula

Como alguns de vocês sabem, decidi tomar vergonha na cara e, sim, me matricular em um curso de personal stylist. Tudo para trazer cada dia mais informações de qualidade para você, querido internauta 😉 Enfim, e minha primeira aula foi sobre como montar um guarda-roupa funcional. Eu já estava com vontade de fazer uma grande devassa no meu armário, principalmente depois de ler, na semana anterior, “The Style Strategy”, da Nina Garcia. Com o conteúdo aprendido na aula + no livro, voltei para casa com uma decisão: ia arrumar meu guarda-roupa.

Capítulo II – as primeiras gavetas

No dia seguinte cheguei do trabalho cheia de energia para começar a arrumação! Decidi que meus primeiros alvos seriam as duas gavetas onde guardo minhas blusinhas, afinal, pensem comigo: a gente sempre acha que não tem blusas/camisetas/camisas sendo que a  gaveta vive não querendo fechar. Imaginei então que ali estaria o meu maior problema. Tirei todas as  blusas/camisetas (camisas ficaram pra hoje mesmo) e separei em três pilhas:

1 – adoro e vão ficar bem guardadinhas onde estão

2 – gosto muito, mas precisam de um remendinho aqui…ou uma mudadinha ali

3 – sem condições

As da pilha nº 1 voltaram para a gaveta, desta vez organizadas por cor (olha que metida!). As da nº 2 foram devidamente encaminhadas para uma costureira de confiança para as devidas modificações. As da pilha nº 3 foram para uma sacola e doadas. Fase 1 concluída!

Capítulo III – a tentação

Aí no sábado minha mãe decide que quer comprar umas blusinhas novas. Já que eu estava devendo a tempos uma visita à querida Emmy Masutani (gente, o blog dela é de babar…sério), fui até a Mitz Fashion Store, aqui em Guarulhos City mesmo. Reencontrei minha amiga, minha mãe gostou de várias peças…e eu, claro, não tive a decência de sair de mãos vazias. Mesmo sabendo que um guarda-roupa abarrotado estava a minha espera no dia seguinte. Não resisti: saí da loja com três novas blusinhas (ah, são tão lindas), um blazer (ah, melhor comprar agora, no inverno vai estar difícil achar) e um vestido (ficou tão bem em mim!).

 

 

Capítulo IV – a revolução

Acordei neste domingo de muito sol e calor (ô delícia…) decidida: esse guarda-roupa vai ficar arrumado, sim! E lá fui eu esvaziando gavetas e cabides…Todas as roupas meticulosamente separadas nas três categorias anteriores, mas, no caso das roupas íntimas, tive que incluir uma pilha nº 4 – lixo!

Tirei tudo que não me servia, não combina mais comigo e que eu não usei nos últimos dois anos. Descobri que meu vestido de formatura da 8ª série ainda me serve, que eu tenho mais saias do que eu achava que tinha e que tenho um blazer marrom que eu nunca uso. Vou usar tudo agora (o vestido de formatura só se eu for madrinha de casamento, sei lá…). Eu venci!!!

Com base em toda essa minha aventura (que também incluiu colocar todos os sapatos em suas devidas caixas), compartilho com vocês as principais questões quando você quer fazer “aquela geral” no guarda-roupa. Dicas minhas e de Nina Garcia:

– Conte quantas calças/bermudas/shorts/saias…enfim, partes de baixo, você tem. Feito isso, considere que você deve ter quatro partes de cima para uma parte de baixo no seu guarda-roupa. Acredite, você vai achar blusinhas sobrando nessa conta…

– Sabia que a maior parte das pessoas usa só 20% das roupas que tem no guarda-roupa? O ideal é que a porcentagem de uso seja de 50% ou mais, afinal tem aquelas roupas que a gente realmente só usa de vez em quando, como vestidos de festa e casacos pesados (suei só de pensar em casacos pesados…gente, que calor!)

– Depois que tirar do seu guarda-roupa todas as peças que você não vai mais usar, reflita: “o que eu preciso?”. Faça uma lista das peças básicas que estão faltando e coloque na sua carteira: quando você a abrir para comprar uma nova peça, veja se você está realmente precisando dela.

– Você é daquelas que simplesmente pre-ci-sa fazer uma comprinha? Aposte em sapatos. E em bons sapatos: de boa qualidade e que você consiga se imaginar usando em pelo menos quatro looks diferentes.

– Aproveite as liquidações para se dar certos luxos da estação que termina nas lojas. Agora, com tudo mais barato, é a hora de comprar aquele biquíni que você gostou, ou alguns shorts…tem regatas básicas em lojas boas por menos de R$ 20. Agora é a hora!

Gostaram? Tomara que sim 🙂

4 comentários

  1. Carol, admiro a sua coragem! Passei por uma dessas limpezas no mês passado, mas confesso que sozinha eu não teria conseguido. Sempre tem aquelas peças que a gente pensa que poderia usar, que gosta mas não servem mais e que só servem mesmo pra ocupar espaço. Parabéns pelo blog =) Beijinhos

    • Que saudade da minha veterana!!! rs
      É, arrumar o guarda-roupa é realmente uma luta…mas vale a pena 😉
      Beijo!

  2. AMEIIIII Carol e por coincidência estou na arrumação de roupas aqui em casa tb…. comprei um armário novo….. com relação ao fato de usarmos só 20% das roupas, isso é coisa de nós mulheres, né… kkkkk

    Adorei os modeloitos da Special MITZ.

    Bjuss,

    Mari Amoroso

    • Ah, Mari, acho que essa história dos 20% também vale para os homens…ele sempre tem lá, no fundo das gavetas, aquelas camisetas furadas, bermudas que não servem mais…rsrs
      E que coincidência estarmos “faxinando” no mesmo dia!
      Beijo 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s