Especial Casamentos – o traje do noivo

Bom dia pessoas! Como estão passando nessa véspera delícia de feriado?

Dando continuidade ao nosso Especial Casamentos, chegamos ao traje do noivo! Ok, muita gente acha que é a roupa mais fácil, que quem fica cheia de dúvidas e a noiva e blá blá blá…mas eu, como defensora da moda masculina (ui…rs), sei bem que os noivos piram quando escutam palavras como “casaca” (“só conheço casaco”), “plastrom” (oi?) e a diferença entre fraque e meio fraque. Simbora?

Novamente vou começar dividindo entre os horários, que acabam sendo mesmo as principais referências para a escolha dos figurinos. Sendo assim, se o casamento for…

– de manhã: terno sim senhor! Só que aqui podemos admitir cores mais claras, como bege ou cinza clarinho. Branco…só se se você quiser muito ficar de “par de vaso” com a sua noiva. Prefira gravatas discretas, sejam lisas ou estampadas. A camisa também pode ser mais clara neste horário. A ideia é ser leve, leve…

– à tarde (a cerimônia começa antes das 18h): terno completo (calça, paletó e colete) mais escuros que os da manhã. O risca-de-giz é perfeito! A gravata também pode ser mais escura, seja ela lisa ou estampada. Aqui também já se admitem os famosos fraque e meio-fraque, mas somente em cerimônias ultra formais.

(parênteses para explicar a diferença entre fraque e meio-fraque)

O fraque é composto de paletó mais comprido cinza-chumbo ou preto combinado com calça com listras, camisa branca e colete cinza. Ele tem sua origem na Inglaterra, onde era usado para assistir as corridas de cavalos.

Para arrematar este traje, a bendita gravata plastrom, que tem as extremidades mais largas. É assim ó:

Já o meio-fraque é a versão simplificada deste traje, composto de paletó com três botões, colete na mesma cor do paletó, calça listrada de cinza e gravata convencional. Combinado?

(fecha parênteses)

– à noite: agora é hora de ser o cúmulo da elegância, meus queridos! Terno escuro, fraque, meio-fraque ou a casaca (o famoso smoking) são admitidos no altar enquanto você espera a sua amada. Se quiser, acrescente o cravo branco na lapela também.

Miscelânea de dicas:

– Homens, queridos, nunca se esqueçam: a meia social é da mesma cor da calça ou do sapato. Meia branca é só para usar com tênis, ok?

– Na hora de comprar um terno (e essa dica não vale só para casamentos, mas para toda a vida!) prestem atenção ao comprimento das mangas, a possíveis “repuxados” nos ombros e nas costas e se ele está muito longo ou sobrando na barriga. O terno tem que ter o caimento ideal, ou fica feio.

– O correto é sempre deixar o último botão do paletó aberto. Se o seu tiver apenas um botão, abra-o quando for se sentar.

 

Dúvidas? Comente 🙂

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s