O brinco perfeito para valorizar seu rosto

Conheça os acessórios que destacam a cor, o corte e o comprimento do seu cabelo – tem dica até para quem usa coque, trança ou outros penteados.

Rabo de cavalo? Vá de redondo pequeno ou médio

Como seu pescoço fica à mostra, qualquer brinco escolhido ganhará todas as atenções. Por isso mesmo, ele não precisa ser grande nem cheio de detalhes. Redondos coloridos (ou com brilho, se for uma festa) dão conta do recado.

Longo e solto? Vá de argola fina e grande

Afine o rosto com as ovais, redondas, quadradas ou em outros formatos, desde que sejam fininhas e bem grandes. Para um look mais elegante, troque as argolas douradas ou prateadas por modelos com strass ou detalhes brilhantes.

Médio e comportado? Vá de pérola

Pequena e feminina, ela é a cara de gente chique e discreta, por isso, não fica bem com roupas muito estampadas. Use com peças lisas e escuras, combinando com um longo colar também de pérolas. Um arraso!

Fez um coque? Vá de candelabro

Pode reparar nas fotos do Oscar: se a cerimônia é sofisticada, sempre há uma celebridade com brinco candelabro. E você nem precisa de tapete vermelho para brilhar com esse acessório – ele pode acompanhá-la num casamento ou outra festa.

Loira ou com luzes? Vá de brilho ou cor vibrante

Quanto mais claro for seu cabelo, mais você deve fugir dos brincos dourados. Eles somem na composição, especialmente se seu cabelo for longo. Bote cor no visual!

Negra, morena ou castanha? Vá de cores foscas

Acessórios dourados ou prateados estão liberados, mas prefira os foscos. Destacando o rosto melhor do que qualquer brinco de strass, eles deixam você brilhar!

Afro bem volumoso? Vá de fio

Fios equilibram o volume do cabelo e alongam a silhueta. Alguns modelos maiores podem ser usados em apenas uma orelha – deixe a outra sem nada, para garantir charme extra.

Curtinho bem repicado? Vá de botão

Há várias opções: de flor, gota, oval, redondo, retangular… Para um visual simples, prefira modelos sem muitas pedras – mas não se esqueça delas para causar numa festa!

*texto publicado originalmente na revista AnaMaria (maio de 2010), escrito em parceria com minha querida editora Carol Costa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: